AMEAÇADO POR VIZINHOS, LÉO CHAVES MUDA LOCAL DE LIVE HORAS ANTES DO INÍCIO

Léo Chaves precisou mudar o local onde realizaria sua live com show após ameaças feitas por vizinhos nas redes sociais. A apresentação online, intitulada ‘#LéoLáEmCasa’, aconteceu no último sábado (30).

De acordo com o jornal ‘Estado de Minas’, a situação ocorreu no condomínio onde Léo Chaves mora, na cidade de Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais. Alguns moradores do local afirmaram, pelas redes sociais, que atirariam ovos em direção ao ambiente onde o cantor faria sua transmissão e entrariam armados diante das câmeras. As ameaças também foram feitas aos membros do Conselho Administrativo do Condomínio e à síndica.

Os moradores alegaram diversas razoes para se manifestar de forma contrária à realização da live. Segundo o ‘Estado de Minas’, alguns afirmaram que o show colocaria os condôminos em risco de contágio do Covid-19, apesar do Conselho Administrativo alegar ter tomado os cuidados recomendados por autoridades da saúde. Outros demonstraram repúdio ao estilo musical sertanejo e, por fim, houve quem reclamasse que não teria vista para o palco.

“A síndica foi agredida verbalmente com palavrões e ameaçada na frente dos produtores do evento, que também sofreram ameaças e nos confidenciaram ter ficado com medo de serem agredidos”, disse o Conselho Administrativo do Condomínio ao ‘Estado de Minas’.

A estrutura do show teve que ser desmontada às pressas na última sexta-feira (29) e a live foi transferida para outro lugar. Léo Chaves não se manifestou oficialmente sobre a situação.

A live do último sábado (30) foi a segunda feita por Léo Chaves desde o início da pandemia. Com duração de mais de 4 horas, a transmissão reuniu músicas solo do cantor, composições dos tempos de Victor e Leo e uma série de versões, que foram de outros ídolos do sertanejo até a clássicos do rock, de bandas como Capital Inicial, Legião Urbana, Skank e Barão Vermelho.

Fonte: Revista.Cifras