Em Rondônia, cliente assedia funcionária de espetinho e recebe frango cru por delivery

rondoniatual.com

O cliente do restaurante Kverna do Urso, em Porto Velho (RO) que assediou uma funcionária pelo Whatsapp recebeu como prato principal, uma bandeja de frango cru.

O episódio foi exposto pelo próprio estabelecimento. De acordo com a Kverna do Urso, o cliente ligou para fazer um pedido, e depois, por mensagem de texto, através do Whatsapp, ao responder a pergunta feita pela funcionária, mandou uma resposta indelicada.

Cliente disse pelo Whatsapp que ‘se a galinha tivesse uma voz suave e gostosa como a sua, poderia até ser crua’

A funcionária, identificada como Gabriela, que também é sócia do estabelecimento, perguntou qual o ponto que o cliente gostaria de receber os espetinhos que seriam entregues. O homem então respondeu, “olha linda se a galinha tivesse uma voz suave e gostosa como a sua, poderia ser até ‘crua’ se é que me entende”.

E prosseguiu, “vou deixar você escolher o ponto pra mim, tá? Tenho certeza que você sabe o ponto certinho que eu gosto”.

Após cerca de meia hora, o cliente enviou uma foto do pedido, com os dizeres “que porra é essa? é sério isso, cadê o dono dessa merda dessa empresa?”

O cliente então recebeu uma resposta do dono, “oi, eu sou o dono! fico feliz que recebeu seu pedido conforme você solicitou. Reza a lenda que essa galinha antes de morrer falou pó pó pó com a voz suave e gostosa, se é que você me entende”.

O cliente então ameaçou chamar a polícia e a vigilância sanitária.