ENTENDA A POLÊMICA A RESPEITO DA HERANÇA MILIONÁRIA DE AGNALDO TIMÓTEO

Menos de 1 mês após o falecimento do cantor Agnaldo Timóteo, a herança milionária deixada por ele já é motivo de polêmica na mídia.

primeiro burburinho sobre a grana deixada por Agnaldo foi que uma casa no Rio de Janeiro no valor de R$ 15 milhões já estava gerando confusão entre os herdeiros do artista.

Contudo, novas informações foram divulgadas na imprensa pelo colunista do jornal ‘Metrópoles’, Leo Dias, dizendo que os bens de Agnaldo valem muito mais! 

Vale ressaltar que o testamento ainda não foi aberto, mas familiares próximos sabem que ele dividiu tudo em vida. 

Pai de Márcio Timóteo, Marcelo Timóteo, Cícero Ezequiel Rodrigues Teixeira e Keyty Evelyn (a única filha adotiva), Agnaldo dividiu os bens de forma ‘controversa’. O motivo?

“Ele deixou em testamento 50% dos bens para a filha [Keyty Evelyn, de 14 anos] e 50% para seus outros filhos e irmãos”, afirmou Timotinho, sobrinho e assessor de imprensa de Agnaldo.

Apesar da desigualdade imensa na separação da herança, os filhos do cantor não pretendem contestar. “Ninguém tem intenção de contestar. A família já disse que quer respeitar a decisão dele“, concluiu Timotinho.

O que deixa a história mais intrigante ainda é que o processo de adoção de Keyty não foi finalizado antes da morte do cantor e, dizem, que a família nunca aceitou menina.

Ainda segundo Leo Dias, ela foi criada por Agnaldo desde os 2 anos de idade e agora está sob a guarda de sua avó biológica. Se o testamento for contestado, a previsão é que o processo na Justiça demore anos e anos para ser resolvido.

BENS DE AGNALDO TIMÓTEO

Além da mansão na capital carioca, Agnaldo deixou um apartamento em São Paulo, terrenos em Cabo Frio, salas comerciais em Copacabana, entre outros bens.

valor dos imóveis não foi estimado ainda, já que a família começou a receber as notificações do testamento apenas na última segunda-feira (19).

Aos 84 anos, depois de 17 dias internado, Agnaldo Timóteo não resistiu às complicações causadas pelo coronavírus em seu organismo e morreu no dia 3 de abril. 

Veja uma foto de Agnaldo com a filha, Keyty e seu sobrinho Timotinho:

Fonte: Revista.Cifras